Políticos convocam reunião no dia 8 para discutir impeachment de Bolsonaro

Siga nossas redes sociais
RSS
Twitter
Visit Us
Follow Me
YOUTUBE
YOUTUBE
Instagram

Os partidos do chamado Centrão mandaram um recado para Bolsonaro de que não apoiarão sua tentativa de golpe.

As siglas fizeram chegar ao presidente que haverá reação imediata a uma possível invasão à Praça dos Três Poderes hoje, e o PSDB já marcou reunião para amanhã, dia 8 de Setembro.

Gilberto Kassab, presidente do PSD, já havia mandado o recado no dia 6/9, de que caso Bolsonaro continuasse, poderia apoiar o impeachment.

O presidente do PSDB, Bruno Araújo, informou sobre a reunião de emergência que será no dia 8/9.

O recado mais forte foi dado para Bolsonaro com a aprovação de Arthur Lira, presidente da Câmara. Quem deu o recado ao presidente foi Ciro Nogueira, que explicou a Bolsonaro que ele irá perder a “queda de braço” se tentar dar um golpe.

Ciro explicou claramente ao presidente Bolsonaro que o Congresso não o apoiará no golpe, o STF menos ainda e que, sem o apoio popular, que Bolsonaro não tem, a situação sai de controle.

Arthur Lira vem “segurando” os pedidos de impeachment contra Bolsonaro, mas deixou muito claro que não irá admitir invasões ao STF ou ao Congresso – e que reagirá à altura, iniciando o processo de impeachment do presidente.

© 2021, Radio Aparecida Web. Agência Senado, Agência Brasil, Brasil de Fato, Rede Brasil Atual, Sputnik News, SSP-SP

Siga nossas redes sociais
RSS
Twitter
Visit Us
Follow Me
YOUTUBE
YOUTUBE
Instagram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cursos 24 Horas - Cursos 100% Online com Certificado
Cursos Online com Certificado - Cursos 24 Horas - Matricule-se!